Jairo Marques

Assim como você

 

Um brinde ao novo ano!

Nas minhas andanças (ou seriam ‘cadeiranças’?) Carente por esse mundo ‘malacabado’ em que vivemos, neste ano que dá tchauzinho, posso afirmar com convicção: as coisas começaram a mudar para melhor para esse povão sem perna, sem braço, que tem o escutador de novela prejudicado, que manca, que baba e num para em pé, que nem eu! Rindo a toa

 

Há mais acessos, há mais vontade de fazer os tais acessos, o olhar que era meio de piedade, meio de incômodo, agora parece mudar para um quase “bem-vindo”! Há também menos carros em vagas reservadas, há mais vagas reservadas, tem um montão de gente discutindo nossos direitos de habitar esse planeta de forma digna, tem uma novela com uma “tetrona”, tem mais gente ‘estropiada’ trabalhando.

 

 

Podem me chamar de otimista demais, daqueles que apostam apenas um cartão e sempre acham que é o vencedor da Mega Muito triste, mas como diz aquela música caipira “nesta looonga estrada da vida”, eu não havia vivido um ano tão inclusivo como foi 2009.

 

E como eu não vibraria com um ano em que “vivi a vida”, tomei água na caneca do gordo, abracei esse pessoal fantástico que me lê todo dia em dois incríveis encontros? Como não me despedir radiante de um período em que fizeram um bloco com o slogan humilde de “bora dominar o mundo empurrando uma kombi véia?”

 

Também não posso me esquecer que esse ano “velho” me trouxe emoções explosivas como a de conhecer a história do Fábio e da Marli Cassiano, dupla que merece aplausos todos os dias, me trouxe o prazer de abraçar, láááá nos “Estadusunidos” a minha querida ajudante para toda e qualquer hora Silvia Dutra, sem falar da incrível e mágica “volta” ao país dos sons que está acontecendo com a Lak Lobato. E foram tantas e tantas histórias...

 

 

Em 2010, que venham novas ATITUDES. Vamos encarar mais a rua, vamos perturbar mais o cérebro trimilicando pelas calçadas esburacadas, vamos exigir poder IR E VIR sem barreiras, vamos estudar para garantir bons empregos, vamos batalhar contra essa imagem distorcida de que somos menos... nós somos é... legalpracaramba.com.br!!! Convencido

 

E seja qual for a sua condição, brinde o Ano Novo, a sua maneira! Celebre a chance de renovar, de replanejar, de reinventar, de recomeçar, de redescobrir, de rememorar, de reaprender, de reabilitar, de reconstruir...

 

Feliz, muito feliz, muito risonho, muito realizador ano de 2010 para todo mundo!

 

Beijo nas crianças

Escrito por Jairo Marques às 11h22

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Ver mensagens anteriores

PERFIL

Jairo Marques Jairo Marques, 37, jornalista pela UFMS e pós-graduado em jornalismo social pela PUC-SP. Trabalha na Folha desde 1999. É colunista do caderno "Cotidiano".
Twitter Twitter RSS

BUSCA NO BLOG


ARQUIVO


Ver mensagens anteriores
 

Copyright Folha.com. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha.com.